domingo, 24 de março de 2013

Temas e Trilhas: PATRICIA MARX




Qualquer criança nascida entre o final dos anos 70 e o início dos anos 80 teve como referência os dois conjuntos musicais infantis mais famosos daquela época: Balão Mágico e Trem da Alegria. E eu não era exceção e cresci encantado pelas duas principais meninas dessas bandas: Simony, do Balão e Patrícia, do Trem da Alegria. Ao longo do tempo, a vida e a carreira das duas tomaram rumos bem diferentes e Patrícia conseguiu uma carreira mais sólida e diversificada, que eu acompanho desde aquela época quando, ainda adolescente, iniciou sua carreira-solo até acrescentar o sobrenome Marx ao seu já conhecido nome. Patricia Marx andou um pouco afastada do grande público, mas agora está de volta comemorando três décadas de carreira lançando um novo trabalho intitulado “Trinta”, em que músicas inéditas se juntam a antigos sucessos em nova roupagem. A cantora fará o show de lançamento em terras cariocas nesta próxima terça, dia 26 de março no Theatro Net Rio. E eu estarei lá para conferir. Mas como o assunto do blog é novelas, vamos a alguns temas interpretados pela cantora ao longo desses 30 anos de carreira:

8) “SONHO DE AMOR” em “CARROSSEL” (1991)
Um dos maiores sucessos da carreira de Patrícia. Confesso que assisti pouquíssimo à novela infantil fenômeno de audiência do SBT nos anos 90, mas nas poucas vezes que vi, sempre ouvia a canção que embalava o amor platônico do doce Cirilo pela fútil Maria Joaquina, mas minhas lembranças mais significativas não fazem parte dessa novela. Na época, ainda com 14 anos, cheguei a escrever uma “novela” com esse nome. Escrevi mais de 150 capítulos em um caderno escolar, mas jamais o encontrei depois. Fica a lembrança e a inspiração.

7) “QUERO MAIS” EM “QUEM É VOCÊ?” (1996)
Balada romântica de autoria de Dalto e Nelson Motta, a canção dá título ao sexto disco da cantora, lançado em 95. Foi tema da novela “Quem é você?”, último trabalho de Ivani Ribeiro, em parceria com Solange Castro Neves e escrita posteriormente por Lauro César Muniz. A canção embalava os romances dos personagens mais jovens da novela.

6) “ME LIGA” EM “CORPO DOURADO” (1998)
Regravação de um antigo sucesso dos Paralamas, aqui ganhou uma versão mais romântica na voz doce e envolvente de Patrícia. Era o tema de Judy, personagem de Giovanna Antonelli, que vinha da extinta Rede Manchete após fazer grande sucesso em “Xica da Silva”. Judy era uma típica jovem romântica dividida pelo amor de Billy (Fabio Jr.) e Tadeu (Felipe Camargo) na novela de Antônio Calmon. Giovana já mostrava o grande potencial que viria a se confirmar nas novelas seguintes e a interpretação de Patrícia caiu como uma luva para a personagem.



5) “AMOR É SEMPRE AMOR” EM “VIDA NOVA” (1988)
Versão da clássica “As time goes by” do mítico filme “Casablanca” (1943), ganhou um romântico arranjo de sax e a voz ainda adolescente e doce de Patrícia. Foi tema da personagem Bianca (Patrícia Pillar), que se envolvia com o imigrante italiano Bruno (Giuseppe Oristâneo) na novela de Benedito Ruy Barbosa. Era a música que abria a trilha nacional, que trazia a personagem de La Pillar na capa do disco. Independente da novela, eu gostava muito dessa música, tinha o disco da Patrícia e era indispensável nas festinhas de minha turma. Portanto, é inevitável que me traga doces lembranças...  



4) “ESPELHOS D’ÁGUA” EM “MALHAÇÃO” (1995)
Essa regravação de Patricia para o antigo sucesso de Dalto foi tema romântico do primeiro casal de protagonistas de Malhação, o último romântico e virgem Héricles (Danton Mello), espécie de faz-tudo da academia, que nutria um amor platônico pela bailarina Bela (Juliana Martins), que namorava o rebelde e impulsivo Romão (Luigi Baricelli). Os versos da canção casavam perfeitamente com os dilemas de Héricles e sua dificuldade em se declarar para a amada. Claro que o enorme sucesso que essa primeira temporada de “Malhação” obteve ajudou a alavancar a canção, que se tornou um dos maiores sucessos da carreira da cantora.


3) “QUANDO CHOVE” EM “A VIAGEM” (1994)
Talvez seja a canção mais significativa da cantora em trilhas, pois fez parte de um dos maiores sucessos do horário das sete e era tema da protagonista, a ciumenta e possessiva Diná (Cristiane Torloni) no remake de Ivani Ribeiro, que foi fenômeno de audiência e repercussão nos anos 90. Diná vivia uma relação tensa e desgastada com o marido Téo (Mauricio Mattar), de quem morria de ciúmes devido à diferença de idade entre os dois. E a triste canção, lindamente interpretada por Patrícia, ajudava a criar essa atmosfera em que o amor já não resiste aos problemas. Quem nunca se lembrou dessa música naqueles dias tristes e solitários de chuva (risos)?




2) “DESTINO” EM “SALOMÉ” (1991)
Uma de minhas favoritas. Era tema da aspirante a cantora Carmem (Andréa Veiga), que fazia dupla musical com o mocinho Duda (Petrônio Gontijo), por quem nutria um amor não correspondido, já que o rapaz era apaixonado pela protagonista da novela vivida por Patrícia Pillar. Enquanto Carmem sofria ao som da canção ultrarromântica, Patrícia ganhava os palcos dos programas de auditório e subia nas execuções de rádios por todo o país com a música, que defendia com intensidade e paixão. Também me remete a ótimas lembranças da adolescência.



1)   “FESTA DO AMOR” EM “BAMBOLÊ” (1987)

Como não amar essa delícia de rock juvenil no melhor estilo Celly Campello? Além de fazer parte de uma de minhas novelas favoritas, também marcou o início da bem sucedida carreira-solo de Patrícia, recém-saída do Trem da Alegria, que praticamente batia ponto no “Globo de Ouro” e no “Cassino do Chacrinha”. Era o tema de Cristina, vilãzinha vivida por Carla Marins, apaixonada por Luiz Fernando (Paulo Castelli), que fazia de tudo para roubá-lo da irmã, Ana (Myriam Rios). Enquanto maquinava pequenas maldades, o tema embalava os planos vingativos da menina. A canção era obrigatória nas festinhas da época. Sucesso absoluto.





Agora é com vocês! Melão quer saber: quais são seus temas de novelas favoritos na voz de Patrícia Marx?
____________

LEIA TAMBÉM:


TEMAS E TRILHAS – ADRIANA CALCANHOTTO:





12 comentários:

Wesley disse...

Post delicioso... Adoro o tema de Vida Nova. Também foi a minha trilha sonora para inspirar enquanto eu escrevia o roteiro para as seletivas da oficina.
Da Patricia, a minha favorita é Festa do Amor.

renatocinema disse...

Mágico....viagem no tempo.


Blog ZAPPIANDO disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
aladimiguel disse...

A "FESTA DO AMOR" DE "BAMBOLÊ" É IMBÁTIVEL ! D + ADORAVA QUANDO CANTAVA PARA A CARLA MARINS, NOVINHA, UMA GRAÇINHA COMO CRISTINA, COM AQUELE VISUAL TÃO LINDINHO DOS ANOS 50. NUNCA ME ESQUECI DISSO...PATRICIA MARX É UM CLÁSSICO DESDE OS TEMPOS MARAVILHOSOS DO SUPER TREM DA ALEGRIA, UMA VOZ TÃO BACANA. ABRAÇOS AMIGO Vitor de Oliveira, ADOREI O NOVO POST DO MELÃO !

Blog ZAPPIANDO disse...

Gosto muito de todas as músicas de Patrícia, mas para mim a que é inesquecível em novelas é "Quando Chove", de A Viagem. Quando ouço ou falo da música, imediatamente me vem La Torloni na cabeça. Adorei o post!

Paulo Ricardo Diniz

Maurício Ferreira disse...

Adorei o post, apesar de ter nascido em 1986 eu curti bastante na minha infância as músicas do Trem da Alegria e também da Patrícia em sua carreira solo, em um disco da Xuxa, se não me engano o Xegundo Xou da Xuxa, tem uma música ótima da Patrícia, escrita por ela. Nas trilhas de novela, sem dúvida "Quando Chove" foi o grande sucesso de Patrícia, chegou a todos os públicos, tocava incansavelmente nas rádios e na novela. Tenho um carinho muito grande por "Sonho de Amor", pois foi tema de uma novela que marcou a minha infância, alem de ter sido o tema do personagem principal, Cirilo, "Carrossel" foi um verdadeiro fenômeno e até hoje eu tenho o disco da trilha da novela que contém essa canção. Eu tinha o k7 da novela "Corpo Dourado", gosto muito da trilha dessa novela, tanto a nacional quanto a internacional, acho linda a versão melancólica que Patrícia fez para "Me Liga", grande sucesso dos Paralamas do Sucesso. "Espelhos D'água" foi realmente um grande sucesso nos anos 90 na voz de Patrícia e adoro também a romântica, inocente e animada "Festa do Amor", eu já vi esse disco da trilha sonora nacional de "Bambolê", com a maravilhosa Susana Vieira na capa, só não sabia que a música era tema de Carla Marins, uma das minhas atrizes preferidas... amo sua personagem Joyce na perfeita novela do Maneco "História de Amor". Agora só uma coincidência, acabo de chegar do teatro, fui ver o musical "O Mágico de Oz" e encontrei na fila, a ex Trem da Alegria, Amanda, colega de Patrícia...

Claudia Damasceno disse...

Adoro 'Festa do Amor', 'Quando Chove' e 'Espelhos D'Água'! Amei o post! Nos vemos amanhã lá no Theatro NET Rio! :)

luiz paulo disse...

Todas foram otimas .mas a minha predileta foi realmente festa do amor..pois com essa que minha idola fez sucesso em sua carreira solo ..sua primeira musica do primeiro lp..essa abriu a carreira com chave de ouro....

luiz paulo disse...

Todas foram otimas .mas a minha predileta foi realmente festa do amor..pois com essa que minha idola fez sucesso em sua carreira solo ..sua primeira musica do primeiro lp..essa abriu a carreira com chave de ouro....

Histórias do Arteiro disse...

Todas, cada uma teve seu momento... Sou muito fã dela!

Raquel disse...

Adoro todas! Cada uma a sua maneira se encaixou perfeitamente com o perfil dos personagens. Mas acho que Quando Chove é sem dúvidas a mais lembrada!

Raquel disse...

P/ Maurício Ferreira.
Bom acho que vc deve estar equivocado em relação a Patricia e a Amanda porque acho muito dificil elas term tido algum tipo de contato. A Paty deixou o Trem em 87, e a Amanda entrou para o grupo em 88.

Prefira também: